O AMOR É SEMPRE CRIATIVO

08-09-2011 02:07

O AMOR FAZ DE TODO MUNDO UM GRANDE POETA E, SE O AMOR NÃO PUDER FAZER DE VOCÊ UM POETA, ENTÃO NADA O FARÁ.

O AMOR ABRE UMA DIMENSÃO TOTALMENTE DIFERENTE EM SEU SER. SEM ELE VOCÊ PERMANECE CONFINADO AO MUNDO DA LÓGICA. QUANDO O AMOR COMEÇA A ACONTECER EM SUA VIDA, A LÓGICA COMEÇA A DESAPARECER, ACONTECE UMA TRANSCENDÊNCIA DA LÓGICA.

É POR ISSO QUE A MENTE LÓGICA SEMPRE CHAMA O AMOR DE LOUCURA, DE CEGUEIRA. A LÓGICA SEMPRE CONDENOU O AMOR, CHAMANDO-O DE CEGO, DE LOUCO. CHAMA-O DE TUDO QUANTO É NOME PELO SIMPLES MOTIVO DE QUE O INTELECTO É INCAPAZ DE CONCEBÊ-LO.

O AMOR É UM MUNDO TOTALMENTE DIFERENTE. NADA TEM A VER COM ARITMÉTICA, COM LÓGICA, COM CIÊNCIA. É IMENSURÁVEL, UM TERRITÓRIO DESCONHECIDO. NINGUÉM SABE EXATAMENTE O QUE ELE É.

MESMO AQUELES QUE MAIS SE APROFUNDARAM NELE FICARAM QUASE MUDOS — ELE É INEXPRIMÍVEL.

MAS A EXPERIÊNCIA É GRANDIOSA, TÃO EXTÁTICA QUE EXPLODE DE DIVERSAS MANEIRAS. PODE EXPLODIR EM DANÇA, EM MÚSICA, EM POESIA, EM PINTURA, EM QUALQUER TIPO DE CRIATIVIDADE.

O AMOR É SEMPRE CRIATIVO. E O MUNDO TEM SIDO TÃO DESTRUTIVO SIMPLESMENTE PORQUE ENSINAMOS AS PESSOAS A REPRIMIR A ENERGIA DO AMOR.

O AMOR REPRIMIDO SE TORNA DESTRUTIVO. O AMOR EXPRIMIDO SE TORNA CRIATIVIDADE.

OSHO, em "MEDITAÇÕES PARA O DIA"

(texto extraído do site Portal Arco Íris) 

—————

Voltar